A notícia só melhora para os estudantes que estão em busca de uma oportunidade para ingressar no mercado de trabalho em 2020. Na última quarta (8), o 6 Minutos divulgou a estimativa do Nube (Núcleo Brasileiro de Estágio) para a abertura de novas vagas: 44,6 mil nos três primeiros meses do ano. Mas o número pode ser ainda maior.

Levantamento feito pelo CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola) aponta que, só no primeiro trimestre, a quantidade de vagas de estágio e aprendizagem deve chegar a 85 mil – crescimento de 6% em relação a 2019.

Por que tantas vagas são abertas no início do ano? O começo do semestre é sinônimo de oportunidade para os jovens de todo País. Isso porque muitos estudantes se formam ou terminam o período de dois anos de contrato de estágio (conforme previsto na Lei do Estágio), dando lugar a novos profissionais.

Para o superintendente Nacional de Operações do CIEE, Marcelo Gallo, o momento de procurar o primeiro emprego é agora. “Nesse momento, de início de ano, as empresas estão em planejamento de quadro de funcionários. É um período interessante para quem busca uma inserção no mundo do trabalho”, explica.

Quais são os cursos mais procurados para estágio? Direito, Pedagogia e Administração são os líderes no ranking de mais buscados, de acordo com dados do CIEE coletados entre janeiro e outubro do ano passado.

O aumento de vagas representa uma melhora na economia? O número de posições abertas neste período é o maior desde 2014. Para Humberto Casagrande, superintendente geral do CIEE, a perspectiva de crescimento reflete um momento de otimismo do mercado. Porém, ainda preocupante, uma vez que a taxa de desemprego entre a população de 18 a 24 anos supera o dobro da média geral: 25,7%, segundo o IBGE.

De acordo com o superintendente, a aposta do CIEE continua sendo o Programa do Aprendiz que, segundo ele, com medidas administrativas necessárias, teria maior adesão. “É um projeto que não só insere o jovem no mundo do trabalho, mas se preocupa em formar cidadãos”, explica, referindo-se às soft skills (competências comportamentais) não desenvolvidas com a formação técnica e mecânica.

Por que é interessante para a empresa contratar estagiários e aprendizes? Segundo Casagrande, o benefício de se ter jovens na companhia é o frescor que eles trazem. Os estagiários e aprendizes chegam com novas ideias e ajudam as instituições a dialogarem melhor com o público.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda? Você pode mandar suas perguntas para o e-mail [email protected]. Quem nos segue no WhatsApp também pode mandar sua dúvida. Se você quiser entrar no grupo, esse é o link: https://6minutos.com.br/whatsapp.