A Neon, uma distribuidora de filmes independente com três anos de existência, superou os tradicionais estúdios de Hollywood e a gigante de streaming Netflix ao conquistar o cobiçado Oscar de melhor filme com o filme sul-coreano “Parasita“.

O filme superou o drama sobre a Primeira Guerra Mundial “1917”, da Universal Pictures, o épico de gângsteres “O Irlandês”, da Netflix, e “Era uma vez em… Hollywood”, da Sony, entre outros filmes.

Veja aqui todos os ganhadores da premiação neste domingo à noite.

Como se saiu a Netflix? A plataforma de streaming liderou em número de indicações, com 24 no total, mas perdeu o prêmio de melhor filme pela segunda vez. Seu drama “Roma” foi um dos principais candidatos no ano passado.

“O Irlandês” reuniu um time de grandes estrelas, incluindo o diretor Martin Scorsese e os atores Robert De Niro, Al Pacino e Joe Pesci, mas terminou a noite sem nenhum troféu.

A Netflix ganhou duas estatuetas: Laura Dern ganhou o prêmio de melhor atriz coadjuvante pelo drama “História de um Casamento”, enquanto “American Factory” foi escolhido como melhor documentário.

Qual a história da Neon? A empresa foi fundada em 2017 para produzir e distribuir filmes independentes. Lançamentos anteriores da empresa incluíam “Vox Lux” e “Eu, Tonya”, que conquistou em 2019 o prêmio de melhor atriz coadjuvante com Allison Janney.

Neste ano, a Neon ajudou a transformar “Parasita” em um fenômeno nos Estados Unidos e no Canadá, uma raridade para um filme estrangeiro exibido nos EUA. O filme conta a história de uma família pobre em Seul que planeja trabalhar em uma casa rica.

Qual a bilheteria de Parasita? Até domingo (dia 9), “Parasita” havia arrecadado US$ 35,5 milhões nas bilheterias norte-americanas e canadenses, parte do total global de US$ 165,4 milhões. No total, “Parasita” ganhou quatro prêmios, incluindo melhor diretor, melhor roteiro original e melhor filme em língua estrangeira.

Para efeito de comparação, “1917” havia rendido US$ 120 milhões em bilheteria até o último dia 4 em um número muito maior de salas de exibição (cerca de 4.000).

O reconhecimento do Oscar deve aumentar imediatamente o interesse em “Parasita”, que está sendo exibido em 1.000 cinemas e também está disponível em DVD e streaming, disse Paul Dergarabedian, analista de mídia sênior da Comscore. A Comcast possui os direitos de distribuição doméstica do filme nos Estados Unidos.

(Com a Reuters)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda? Você pode mandar suas perguntas para o e-mail [email protected]. Quem nos segue no WhatsApp também pode mandar sua dúvida. Se você quiser entrar no grupo, esse é o link: https://6minutos.com.br/whatsapp.