O serviço de streaming de vídeo Apple TV+ estreia nesta sexta-feira (1) como o primeiro com conteúdo “totalmente original”, de acordo com Tim Cook, CEO da gigante norte-americana de tecnologia.

O que aconteceu? Disponível em mais de 100 países e territórios, a Apple TV+ estreará com quatro séries adultas, um episódio do “Oprah’s Book Club”, um documentário sobre a natureza e três séries infantis. Atrações adicionais serão acrescentadas todos os meses.

Em uma entrevista concedida à Reuters na quarta-feira (30), Cook comemorou a ampla variedade de concorrentes na televisão por streaming por acreditar que ela estimulará mais pessoas a descartarem canais a cabo e buscarem opções de entretenimento digital.

“Isso é uma vantagem não somente para a Apple, mas para qualquer um no campo do streaming”, disse Cook.

Qual é a diferença da AppleTV+ em relação aos outros serviços? Toda a programação é original porque, diferente da Netflix e do Disney+ da Walt Disney (que ainda não está no ar), a Apple não detém direitos de catálogos de programas de TV e filmes passados.

Isso torna as opções de conteúdo do serviço relativamente escassas quando comparadas às de outros serviços de vídeo – mas a Apple TV+ também é mais barata do que as concorrentes, custando US$ 4,99 por mês nos Estados Unidos.

E qualquer um que tenha comprado um iPhone, iPad, Apple TV, iPod touch ou Mac depois de 10 de setembro tem direito a uma assinatura gratuita de um ano do AppleTV+.

Quais são as apostas do serviço da Apple para a estreia? Um dos destaques é “The Morning Show”, série dramática muito promovida pela Apple que traz Jennifer Aniston em seu primeiro papel na TV desde “Friends” ao lado de Reese Witherspoon e Steve Carell.

“For All Mankind” é uma série de ficção científica que imagina um mundo em que a União Soviética venceu a corrida espacial, criando o cenário de uma história alternativa com efeitos colaterais abrangentes em tudo, desde os direitos das mulheres ao meio ambiente e à Guerra do Vietnã.

Situada no século 19, “Dickinson” é uma comédia de meia hora que recria a poeta Emily Dickinson, interpretada por Hailee Steinfeld, como uma adolescente rebelde.

“See”, estrelada por Jason Momoa, de “Aquaman”, é um drama épico que transcorre 600 anos no futuro depois que um vírus dizimou a maior parte da humanidade.

Já no primeiro episódio do “Oprah’s Book Club”, Oprah Winfrey debate o romance “The Water Dancer” com o autor Ta-Nehisi Coates. O livro conta a história de um jovem que nasce escravo e mais tarde se une a um movimento abolicionista.

Quer receber nossos boletins e notícias pelo Whatsapp? É só clicar no link abaixo com o seu celular e você já estará no nosso grupo.