O Ibovespa renovava máximas nesta quinta-feira, na volta do feriado do Natal, superando os 116 mil pontos pela primeira vez, conforme agentes financeiros já miram 2020 com expectativas favoráveis para o país e de um avanço prometido nas relações comerciais entre os Estados Unidos e a China.

Às 14:10, o Ibovespa subia 0,48%, a 116.402 pontos.

De acordo com analistas da Guide Investimentos, na falta de novidades e em um cenário de liquidez reduzida, investidores passam a voltar a suas atenções para 2020, na expectativa de que a fase 1 do acordo comercial firmado entre China e EUA entre em vigor a partir de janeiro, conforme nota a clientes.

“Uma melhor perspectiva para o desfecho das conversas entre as duas maiores potências globais combinada à manutenção da postura mais acomodatícia adotada pelos principais bancos centrais ao longo de 2019 deverão ser os principais ‘drivers’ (fatores) dos mercados no início do ano que vem”, disse a Guide.

A equipe da XP Investimentos também destacou em relatório a clientes que o horizonte está limpo e aberto para o Brasil no próximo ano. “Os preparos necessários já foram feitos e, agora, estamos na cabeceira da pista, prontos para decolar. Esse é o Brasil de 2020.”

Para analistas, gestores, economistas e estrategistas da casa, o rastro da crise econômica começa, enfim, a ficar para trás. “2019 foi um ano transformacional e acreditamos que 2020 será exponencial”, estima a equipe liderada por Karel Luketic, que espera uma grande e constante migração de ativos para a bolsa.

DESTAQUES

VIA VAREJO ON avançava 1,7%, a R$ 11,87 reais, renovando máximas, caminhando para fechar o ano com valorização de mais de 170%, na esteira de apostas em um ‘turnaround’ da empresa após mudança no comando em meados de 2019, bem como expectativas de melhora da economia do país.

MARFRIG ON valorizava-se 0,85%, em sessão de recuperação, após uma sequência de nove pregões de baixa, em que acumulou declínio de 16%.

ELETROBRAS ON perdia 2,1% e ELETROBRAS PNB recuava 0,34%. A estatal de energia informou na noite de segunda-feira que uma operação para aumento de capital resultou na subscrição privada de R$ 7,47 bilhões em ações da companhia. A Eletrobras afirmou ainda que realizará o pagamento de R$ 1,25 bilhão em dividendos em 30/12.

BRADESCO PN subia 0,84%, endossando o viés positivo, enquanto ITAÚ UNIBANCO PN mostrava valorização de 0,92%.

PETROBRAS PN tinha acréscimo de 0,66%, com os preços do petróleo também em território positivo no exterior. PETROBRAS ON ganhava 0,4%.

VALE ON registrava variação positiva de 0,31%. A mineradora disse que concluiu a contratação de uma nova linha sindicalizada de crédito rotativo no valor de  US$ 3 bilhões e com prazo de cinco anos junto a um sindicato composto de 16 bancos globais.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda? Você pode mandar suas perguntas para o e-mail [email protected]. Quem nos segue no WhatsApp também pode mandar sua dúvida. Se você quiser entrar no grupo, esse é o link: https://6minutos.com.br/whatsapp.