Você já deve ter ouvido falar que pequenas economias podem fazer a diferença depois de meses ou um ano. Se você for a maior rede de varejo do mundo, essa máxima pode ser multiplicada por milhões. De dólares.

O Walmart planeja economizar US$ 60 milhões (pouco mais de R$ 260 milhões) neste ano apenas alterando a forma como adquire as sacolinhas que distribui os clientes, disse o seu executivo-chefe financeiro, Brett Biggs, a investidores em Nova York na terça-feira (dia 18), por ocasião da apresentação dos resultados do quarto trimestre.

A razão para tamanha economia é a escala do Walmart. A rede de supermercados tem 11.500 lojas em 27 países, nos quais emprega 2,2 milhões de trabalhadores.

O executivo deu outros exemplos dos esforços da companhia para enxugar as despesas:

  • O uso de material reciclável vai reduzir os gastos com as roupas de funcionários em 15%
  • US$ 100 milhões serão economizados com o consumo mais eficiente de máquinas e equipamentos nos supermercados, graças a um controle centralizado.

Qual o impacto para as despesas da empresa? Apesar dos números elevados, eles representam uma fração ínfima das despesas operacionais e administrativas da rede: esses custos ficaram perto de US$ 109 bilhões no ano fiscal encerrado em 31 de janeiro.

Leia mais: Chega de gastar com besteira! 10 dicas para controlar o impulso e economizar

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda? Você pode mandar suas perguntas para o e-mail [email protected]. Quem nos segue no WhatsApp também pode mandar sua dúvida. Se você quiser entrar no grupo, esse é o link: https://6minutos.com.br/whatsapp.