A preocupação com a sustentabilidade sócio-ambiental tomou conta dos negócios em 2020. Das grandes empresas que participaram do Fórum Econômico Mundial, em Davos, até o mercado de capitais, crescem as decisões de executivos e investidores para que seus negócios se tornem mais conectados com os anseios da sociedade.

De olho no movimento, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) publicou um roteiro com 5 dicas para que micro e pequenos empreendedores adotem práticas mais sustentáveis:

1) Prefira contratar mão de obra local

A prática de contratar colaboradores da sua comunidade ajuda no desenvolvimento local por meio da geração de emprego e renda e é bem vista por todos, estimulando o bom relacionamento com a comunidade. Além disso, ao trabalhar perto de casa, os colaboradores geralmente faltam menos e chegam menos cansados ao local de trabalho, tornando-se mais produtivos. Os custos com deslocamentos também diminuem.

2) Prefira contratar fornecedores da sua comunidade

A mesma sugestão acima vale também para os fornecedores. Ao contratar fornecedores locais, você gasta menos com o transporte de matérias primas e insumos e ganha na agilidade das entregas, além de estimular o desenvolvimento de outros pequenos negócios localizados na sua região. Se você possui uma pequena fábrica de bolsas, por exemplo, pode adquirir os arremates feitos por uma cooperativa de costureiras local.

3) Cumpra as leis trabalhistas

Respeitar as leis trabalhistas é uma postura de responsabilidade social, pois demonstra que o empresário valoriza seus empregados e colaboradores. Ao estabelecer uma relação saudável dentro da companhia, você consegue ter uma gestão mais tranquila do seu negócio e mantém seu empregado motivado no ambiente de trabalho.

4) Faça uma boa gestão de resíduos

As questões que envolvem o meio ambiente são recorrentes nos dias atuais e por isso devem ser consideradas como fundamentais para uma boa prática de responsabilidade social. Ao minimizar os impactos negativos que sua empresa provoca na sociedade, você colabora positivamente para a conservação do meio ambiente e ainda conquista a simpatia do seu cliente. Uma boa gestão de resíduos também reduz os desperdícios de insumos.

5) Divulgue suas ações de responsabilidade social

Na hora de planejar suas ações de marketing e divulgação da sua empresa, não deixe de fora o que tem feito para se tornar uma empresa socialmente responsável. Mostre que sua empresa não se preocupa apenas em gerar lucro. Dessa forma, é possível atrair oportunidade de negócios com clientes que compartilham dos mesmos valores.

(Com Agência Sebrae)

Leia mais: Sebrae vê mais negócios já nascendo sustentáveis em 2020

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda? Você pode mandar suas perguntas para o e-mail [email protected]. Quem nos segue no WhatsApp também pode mandar sua dúvida. Se você quiser entrar no grupo, esse é o link: https://6minutos.com.br/whatsapp.