A Itaúsa, holding que controla Itaú Unibanco, Itaú BBA, Duratex e Alpargatas, registrou lucro líquido de R$ 3,45 bilhões no quarto trimestre de 2019, alta de 37,6% ante o mesmo período de 2018. O balanço de resultados foi divulgado na noite desta segunda-feira (17).

Veja os demais destaques: 

  • No ano, o lucro da companhia de investimentos foi de R$ 10,312 bilhões, um avanço de 9,3%.
  • Mas, no lucro recorrente, que se refere a resultados esperados e constantes, houve queda de 5,4% na comparação anual, para R$ 2,575 bilhões.
  • No acumulado de 2019, os ganhos recorrentes ficaram em R$ 9,765 bilhões, alta de 3,6%.
  • Os ativos totais da Itaúsa chegaram a R$ 58,571 bilhões ao fim do ano passado, praticamente estável (alta de 0,3%) em relação ao registrado em dezembro de 2018.
  • O patrimônio líquido cresceu 0,2% em um ano, para R$ 55,232 bilhões.
  • A rentabilidade da Itaúsa, medida pelo retorno sobre o patrimônio líquido médio, ficou em 19,4% no ano passado, ante 18,2% de 2018. No critério recorrente, o indicador saiu de 18,2% para 18,4% em um ano.

(Com Estadão Conteúdo)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda? Você pode mandar suas perguntas para o e-mail [email protected]. Quem nos segue no WhatsApp também pode mandar sua dúvida. Se você quiser entrar no grupo, esse é o link: https://6minutos.com.br/whatsapp.