Pela primeira vez em 33 anos de história, o MWC (sigla em inglês para Congresso Mundial Móvel), maior evento da indústria de telecomunicações e dispositivos móveis, foi cancelado. A edição de 2020 seria uma grande vitrine para novos serviços que usam a tecnologia 5G de internet móvel de banda larga.

“A preocupação global em relação à epidemia de coronovírus, as dificuldades para deslocamentos e outras circunstâncias fazem com que seja impossível realizar o evento neste ano”, disse John Hoffman, CEO do consórcio GSMA (sigla em inglês para Associação do Sistema Global para Comunicações Móveis), que organiza o MWC, em um comunicado enviado à imprensa.

O anúncio ocorreu após uma reunião de emergência do conselho do GSMA, depois da divulgação da desistência de expositores importantes, como Deutsche Telekom, Vodafone, BT e Nokia. Todas as empresas citaram a preocupação com a epidemia de coronavírus como a razão principal de desistirem de ir ao evento.

A 33ª edição do MWC, programada para ser realizada ente 24 e 27 de fevereiro, tinha uma estimativa de atrair mais de 100 mil participantes para Barcelona. O consórcio GSMA, que organiza o evento, estima que ele movimentaria US$ 500 milhões na economia espanhola em 2020.

(Com Bloomberg e Reuters)

Quer receber nossos boletins e notícias pelo Whatsapp? É só clicar no link abaixo com o seu celular e você já estará no nosso grupo.